Como montar um restaurante e fazer um negócio rentável?

Quando se tem o desejo empreendedor de montar o seu próprio negócio, a área da alimentação é um ramo que mesmo com crise, não deixa de ser buscada pelos consumidores.  Afinal, as pessoas possuem a necessidade de se alimentar.

Com isso, a possibilidade do investimento na abertura de um restaurante dar certo é maior do que se investir em qualquer outro setor.

Para garantir que não será feito um mau negócio, é necessário pesquisar bem em qual segmento e tipo de alimentos se irá oferecer aos clientes. Além de ter uma boa equipe contábil que o apoiará no desenvolvimento e fortalecimento do negócio.

O ideal é consultar e averiguar com a ABRASEL (Associação Brasileira de Bares e Restaurantes) informações relacionadas ao nicho. Esta associação contém informações a respeito de diversos assuntos ligados aos comércios e contém dicas de como se manter após o início do funcionamento do restaurante, pois segundo a associação, somente 25% dos restaurantes têm a condição de se manter em funcionamento, após o quinto ano de atuação no mercado.

O que você precisa para se posicionar bem no nicho de restaurantes?

  • Identificar o público-alvo e local para montar o restaurante, dessa forma ficará mais fácil planejar o negócio para que seja um empreendimento rentável a curto e longo prazo.
  • Ter ideias e inovadoras e eficazes para que o restaurante possua um diferencial entre os concorrentes.

Plano estratégico

Para início, é necessário elaborar um plano de negócio, contendo informações básicas.

Alguns critérios também devem ser levados em consideração, como:

  • Pesquisar primeiramente o local que se pretende abrir o restaurante é fundamental para que se faça uma análise de mercado, identificando os tipos de restaurantes que já existem ao redor do local. Desta forma, poderá ser feito um mapa dos concorrentes e já identificar qual o diferencial o novo restaurante terá para se destacar.
  • O público-alvo deve ser estudado para que se crie uma demanda ideal.
  • Ter bem definido a área de especialização culinária é outro fator. Há diversos tipos de culinárias, podendo haver especialização naquela onde haja um público que é atraído por aquele tipo de refeição.
  • A elaboração do menu deve ser coerente com o estilo do restaurante, por isso deve se ter bem claro as características do restaurante.
  • Deve ser levada em consideração a capacidade do mesmo, para que tenha uma infraestrutura compatível com o público-alvo, fazendo com que o restaurante não tenha prejuízo com a utilização do espaço físico e possa aproveitar cada metro quadrado de forma estratégica.

Atualmente, existem diversos tipos de restaurantes, os mais comuns são:

  • Self Service,
  • Tradicional ou La carte,
  • Étnico e ainda;
  • Franquias.

Com o estudo da região e do público-alvo, fica mais fácil identificar qual desses tipos é mais seguro fazer o investimento do negócio. Pois assim, haverá uma probabilidade de satisfazer o público, de acordo com o mapa da região.

Colocar o plano em ação

Após a elaboração do plano de negócio, abrir o restaurante deve ser o passo em que se coloca em prática todo planejamento estratégico.

Com isso, é importante levar em consideração:

  • Fazer a contratação de uma equipe qualificada, fará toda diferença no atendimento ao público e na administração do restaurante.
  • O recomendável é fazer uma pesquisa de fornecedores que sejam parceiros e possam disponibilizar melhores prazos e negociações nas entregas de mercadorias, além de ter certeza que os produtos sejam de qualidade para manter a integridade do restaurante.
  • A higiene do local deve ser sempre preservada, por isso no momento de planejamento da infraestrutura, deve ser levado em consideração como será o armazenamento do local para que as condições sejam aprovadas segundo a regulamentação da ANVISA.
  • Investir na contratação de uma assessoria contábil especializada em contabilidade para bares e restaurantes, pois, eles cuidarão de toda parte burocrática da abertura do restaurante junto aos órgãos competentes e ainda serão os responsáveis por aferir se o seu negócio estará dando o retorno esperado para o seu investimento.

Atuando dessa maneira, poderá garantir que o restaurante irá atender as expectativas da sua demanda e garantirá um rendimento para ter um capital de giro rentável nos seus primeiros anos, fidelizando assim, cada vez mais clientes e gerando uma alta rentabilidade ao negócio.

Caso ainda tenha dúvidas sobre como montar um restaurante e fazer dele um negócio lucrativo, deixe seus comentários abaixo. Teremos um imenso prazer em interagir com você|!

Muito boa sorte e até a próxima!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *